Sono excessivo durante a gravidez

  • by admin - qui, 09/29/2011 - 04:53
  • Dicas

A natureza é sábia. Fez da grávida um “bicho-preguiça”, com crises de sono durante nove meses, para compensar a ausência de noites tranqüilas que ela vai ter depois que o bebê nascer. O excesso de hormônios circulando e o metabolismo mais lento deixam a grávida com sono. Repousar após as refeições é o ideal. No trabalho não dá para fazer isso, mas procure uma cadeira confortável e leia um pouco antes de retomar suas atividades.

Sono picado

No início, a excitação e a ansiedade. No final, o barrigão e a vontade de fazer xixi várias vezes por noite. Nem sempre é fácil conciliar o sono durante a gestação. E ainda fica aquele monte de gente falando: “Aproveita para dormir agora, depois nunca mais!”. Se você não está conseguindo relaxar, eis alguns truques que podem ajudar.

Tente colocar um travesseiro alto na cabeça e outro entre as pernas para dar um apoio. Usar algo embaixo da barriga, para sustentar seu peso, também traz conforto. Do lado direito do abdome passa a veia cava inferior, que é grossa e traz bastante sangue de volta ao coração. No final da gravidez, quando a barriga já está grande, o peso do útero pode comprimir essa veia, provocando falta de ar, por isso os obstetras recomendam deitar-se sobre o lado esquerdo.
Há grávidas que não sentem nenhum incômodo de barriga para cima. Nesse caso, tudo bem. No entanto, a posição não é aconselhável para gestantes com hipertensão (pressão alta) ou hipotensão (pressão baixa). Um banho quente antes de dormir também ajuda a relaxar.